Cuidar dos filhos: Trabalhar Fora ou Não?

mae-e-filho-no-escritorio
Mãe e Filho no escritório, já pensou nisso? (Foto por franky242 do FreeDigitalPhotos.net)

Cada família tem uma forma de se conduzir. Há casas em que a mãe trabalha fora, em outras as tarefas são todas domésticas.Mas uma dúvida está sempre em discussão: qual a melhor forma de cuidar dos filhos?

Mulheres que são profissionais e que têm uma carreira, ao se tornarem mães, têm uma decisão nas mãos que pode mudar todo o seu futuro: deixar o trabalho para cuidar do filho ou continuar em sua profissão.

Vale destacar que a escolha nada tem a ver com ter mais ou menos amor pelo filho ou dar menos importância a ser mãe. Não é nada disso. Necessidades financeiras, sonhos profissionais e realização enquanto mulher podem fazer com que a mãe opte por retornar ao mercado de trabalho.

E não é egoísmo quando ela o fez por si mesma, inclusive. Quando se decide ser mãe, não quer dizer que a mulher deixou de ser um indivíduo para viver apenas o mundo do seu filho, mas que ela optou por trazer mais amor à sua vida, complementando-a com a preciosidade que é ser mãe.

A verdade é uma só: ninguém é mais ou menos mãe por escolher ficar em casa ou por ser profissional. A mãe que trabalha fora, inclusive, se desdobra para poder chegar em seu lar e poder ter momentos de atenção e lazer exclusivos com o seu pequeno, mesmo após um dia estressante, ainda que o cansaço físico e mental cheguem a abatê-la.

Ambas as mães têm a possibilidade de estimular seus filhos e fazê-los se adaptarem a situações da vida. A mãe que fica com o filho em casa tem a oportunidade de aproveitar os momentos para estimulá-lo, com brincadeiras e ajudá-lo, por exemplo, nas lições de casa e, até, pedir que ele a ajude nas tarefas, de forma que ele aprenderá a ser disciplinado, organizado e muito mais.

Já a mãe que trabalha fora pode ensinar ao seu filho o porquê de ter optado por isso, seja para dar a ele uma vida melhor, para que possa estudar e fazer as atividades que gosta, por exemplo, e também ensiná-lo a ser mais independente e seguro de si, pois, quando a mãe está no trabalho, ele deve se comportar e ser responsável. Dessa forma, a criança aprende a ser mais madura e cuidar de si mesma.

O importante, independentemente de qual perfil de mãe se encaixe mais ao seu, é estarem realizados em seu relacionamento tanto a mãe quanto o seu filho, além de se se sentirem satisfeitas em seu mundo particular. Se a mulher está realizada com o futuro que escolheu, se seu filho enfrenta bem essa realidade e se ele se sente atendido nas suas necessidades, inclusive as afetivas, não há um motivo alarmante para se preocupar.

Cada família tem a sua dinâmica, certo? Para a sua família estar em harmonia, basta que encontre a dinâmica que melhor se encaixa e satisfaz a todos, incluindo a mãe.

Você tem alguma dificuldade em cuidar dos filhos na sua rotina diária? Deseja mudar algo ou está satisfeita com as suas escolhas?

Cuidar dos filhos: Trabalhar Fora ou Não?
5 (100%) 3 votos

Be the first to comment

Leave a Reply

Seu e-mail não será publicado.


*